Mármore x Granito: conheça suas diferenças e utilidades

mármore e granito

Na hora de escolher as pedras para o seu projeto você já deve ter se perguntado: é mármore ou granito? Se você ainda não entende as diferenças ou está na dúvida para escolher a melhor opção, é só conferir as nossas dicas!

O mármore e o granito são opções muito comuns, além de elegantes e também ajudam a manter a temperatura agradável ao ambiente. A elegância ganha pontos, mas elas também se destacam pela sua durabilidade e exclusividade já que nenhuma é igual à outra.

Além disso, ambas são de fácil limpeza e podem ser higienizadas utilizando um pano úmido com água e detergente neutro.

O que é Mármore?

O mármore é uma rocha metamórfica originária do calcário e sua coloração varia dependendo dos minérios presentes, podendo ser branca, acinzentada, de coloração creme com veios escuros, esverdeadas ou ainda predominantemente pretas. Geralmente, o material é utilizado em casas, consultórios, em bancadas, revestimento de paredes, pisos e peças de decoração.

O que é Granito?

O granito é composto por três minerais: mica, quartzo e feldspato. São disponíveis em diferentes tonalidades, mas sendo mais comum em tons de branco, preto e cinza. Além disso, tem grande resistência às variações de temperatura, o que o torna um material ideal para bancadas e pisos de ambientes internos ou externos.

Mais durável e resistente que o mármore, o granito também é uma pedra porosa, mas com menos predisposição a manchas.

Diferenças e Utilidades

A principal diferença na formação do mármore e do granito é o que confere características tão distintas de ambas as pedras. Além disso, a principal diferença delas está na resistência. Outro ponto importante para diferenciar ambos, é que o mármore se caracteriza por ser mais liso e ter muitos veios, já o granito, tem pequenas manchas.

Resistência e durabilidade

A principal diferença entre o mármore e o granito é o grau de resistência entre eles. Muitas pessoas acreditam que é apenas a sua coloração. O mármore tem menor resistência, evitando o aparecimento de riscos e manchas. Já o granito é mais resistente e apresenta um índice de porosidade bem maior, absorvendo mais água e riscando com muito mais facilidade.

DICA: Para fazer o teste, com a ponta de uma chave, tente fazer um risco na superfície da pedra. Se riscar é mármore, caso contrário é granito.

Aplicações

Se você acha que não pode aplicar ambos em algumas situações, está muito enganado. Eles podem ser usados em inúmeros projetos comerciais e residenciais. Ambos podem ser usados ara inúmeras aplicações em espaços residenciais e comerciais.

Mas, sabendo da sua resistência e durabilidade, é recomendado o uso de mármore em espaços de pouco tráfego de pessoas e que não sejam muito molhados, como é o caso de cozinhas e banheiros. Sendo assim, ele pode ser uma ótima opção de piso para salas, quartos, corredores e escadas.

O granito também tem a característica de ser escorregadio, apesar de ser mais resistente. Por conta disso, o uso da pedra também é recomendado para áreas secas e internas. Evite usar ambas as pedras em áreas externas, como beiras de piscina e áreas de churrasco, por exemplo.

As cerâmicas

Se você gosta dos detalhes e está buscando praticidade para o dia a dia, você ainda pode optar pelas cerâmicas. A Formigres tem uma linha exclusiva de pedras naturais capazes de transformar os seus projetos e deixá-los ainda mais incríveis!

Acesse o nosso site e confira todas as opções que temos disponíveis na Linha Premium. Aproveite para conferir as novidades nas redes sociais.

Você pode gostar

Aparadores na Sala de Jantar: Um Guia Completo para Escolher o Móvel Perfeito

Espelhos: como escolher o tamanho ideal?

Guia Formigres: Montando sua Sala de Jantar

Limpeza dos pisos cerâmicos: qual a melhor forma?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *